28/07/2017

Passeio de barco Maya Bay

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Rumo à Maya Bay

O passeio de barco para Maya Bay é o passeio "mais mais" da Tailândia. Ir à Tailândia e não ir à Maya Bay é tão clichê como ir à Roma e não ver o Papa, ir ao Rio e não ver o Cristo, essas coisas que todo mundo diz!

De fato, o passeio é lindo e legal demais. Mas vá preparado para ver uma Maya Bay totalmente diferente daquele paraíso tailandês que você sempre sonhou. A praia é superlotada em uma dimensão pra chinês nenhum botar defeito! É tenso mesmo! Mas ainda assim, super vale o passeio.

Vem comigo nessa aventura! 😉

Para curtir todas as fotos da minha trip, acompanhe no Instagram em #reviajatailandia

http://www.booking.com/searchresults.html?city=900040301&aid=1256661&no_rooms=1&group_adults=1


Como contratar

O passeio de Maya Bay, assim como quase todos os passeios de barco na Tailândia, podem ser feitos em lanchas rápidas compartilhadas com até 25 pessoas ou de forma privada, alugando um longtail, aquele barco de madeira tradicional tailandês.

Em qualquer uma das opções que você escolher é muito fácil de contratar. Para os compartilhados procure uma das várias agências de turismo. Para o long tail privado basta ir até à praia de Ton Sai e procurar os barqueiros que ficam  sentados de bobeira esperando justamente os turistas chegarem.

No caso do passeio de Maya Bay, o valor praticado por todos eles é o mesmo: THB 3000. Você pode e deve tentar negociar, mas já vá sabendo que neste caso será um pouco mais difícil conseguir algo mais em conta.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Tabela de preços dos Longtails

Ainda sobre como "escolher o seu barco", a boa é conseguir um barqueiro que fale um pouco de inglês. E acredite, a missão é quase impossível! Sem comunicação, o passeio fica prejudicado porque o cara não entende nada do que você pergunta, não sabe dizer o nome de nada. É um saco!

E pra piorar, pelo que entendi, na cabeça deles você está alugando o barco por x horas, então é você quem deveria dizer pra ele o que fazer, o que visitar, onde ancorar etc. Pra eles, aquilo ali não é um passeio onde ele deveria te levar nos lugares bacanas e tal. Ele alugou o barco e o tempo dele, simples assim. Se você quiser ficar as x horas parado em um único lugar, para o barqueiro não faz diferença (na verdade é até melhor que ele não gasta gasolina 😂).

No caso de Maya Bay até que o barqueiro parecia ter um "roteiro pré-definido" e não precisei ficar tão no pé dele pois ele já sabia mais ou menos onde nos levar. Mas ainda assim, continuo recomendando embarcar no passeio sabendo o nome dos lugares que quer ir e sempre vá confirmando com o barqueiro. Não deixe o roteiro só por conta dele.

Mapa de Phi Phi Leh

Aliás, em todo o passeio de barco que fiz na Tailândia eu saí com uma história pra contar e com esse não foi diferente, mas isso eu conto ao longo do post.

Sobre o tempo de duração do passeio, se fosse pra conhecer só Phi Phi Leh, o tempo de quatro horas seria suficiente. Mas eu preferi fazer o passeio em seis horas pra ter tempo de sobra pra conhecer praias novas e quem sabe até repetir algumas que tinha gostado mais.

A saber antes do passeio

Maya Bay está numa área de preservação nacional, tipo um parque marinho. Por esse motivo sua entrada é cobrada, THB 400 por pessoa. Deveria ser também controlado o número de visitantes por dia pois a praia fica superlotada. E por mais que você pense que seja um exagero, vai por mim, você nunca viu nada igual à superlotação de Maya Bay, é assustador.

Sobre o horário de início do passeio há inúmeras táticas para se chegar na praia num bom horário e quem sabe assim dividi-la com apenas algumas dezenas de pessoas (e não centenas como eu vi).

A viagem entre o píer de Phi Phi Don até Maya Bay é bem rápida e leva uns vinte minutos. Algumas pessoas preferem chegar bem cedo, por volta das 8h da manhã, pra pegar a praia vazia. Pode ser uma boa ideia mas muito cedo provavelmente não vai bater sol na praia, já que ela é rodeada por montanhas altas. Além disso, a maré pode estar tão seca que o barco ancora longe e o mar literalmente some.

Outra opção seria chegar mais pro final do dia, por volta das 16h até o pôr do sol, num horário em que a maioria dos barcos já foram embora. Mas aí, vem a questão do sol de novo, sem a incidência direta do sol, já que pro final da tarde ele desce e fica mais fraco, não dá pra ver aquele mar azulão.

Acho que o ideal é tentar as duas possibilidades, se você tiver tempo e disposição, é claro, pra aumentar a chance de sucesso na empreitada. Eu saí por volta de 9:00, chegando em Maya Bay por volta de 9:30. Tinha sol, a maré estava alta mas a praia já estava bem cheia. E o mais bizarro é que em meia hora a praia se transformou, pois começaram a chegar muitos barcos e a praia foi invadida por centenas de pessoas.

Maya Bay

Saindo de Phi Phi, o barco vai margeando os paredões rochosos de Phi Phi Leh até que surge uma abertura entre as pedras e o barco aponta pra dentro.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Phi Phi Leh

Lá no fundo dessa abertura está a praia mais desejada de toda a Tailândia: Maya Bay.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Oba, estamos chegando!

Mas aí você vai chegando mais perto e percebe que meio mundo também está no mesmo lugar que você. Sim, a praia está lotada de pessoas e de barcos!

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Opa, acho que tem gente demais ali..

Passado o choque pela beleza do lugar e pela quantidade de pessoas, aqui deixo uma dica: na hora de sair do barco, leve todos os seus pertences. São muitas pessoas, muitos barcos e ninguém pra vigiar. Pra se ter um ideia do caos, o nosso barqueiro saiu do barco e quando voltou percebeu que haviam roubado a bolsa dele (é aqui que começa a história desse passeio e que já já eu conto). Se roubam até as coisas dos locais, imagina a dos turistas!

Às 09:30h da manhã o cenário em Maya Bay já preocupava. Já estava bem cheia e havia apenas um pequeno espaço no meio da praia para banho, igualmente cheio, espremido pelos dois cantos da praia lotados de barcos ancorados. É, definitivamente não foi o paraíso tailandês que sonhei conhecer..

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Nesse horário a praia estava "vazia"

Mas verdade seja dita, eu não fui esperando muita coisa de Maya Bay, porque imaginei que seria exatamente isso: um paraíso totalmente descontrolado e descuidado pelas autoridades locais. Porque convenhamos, se ali é um parque de preservação da vida marinha, a última coisa que poderia haver é superlotação de pessoas e barcos degradando um ecossistema tão frágil, que é o marinho. Me pareceu ser apenas uma excelente fonte de renda para o cofre público tailandês.

Outro detalhe que observei em Maya Bay. As pessoas não vão lá pra curtir a praia, até porque nem dá pra curtir muito né.. As pessoas estão mais preocupadas em bater foto ou fazer selfie. Ficam o tempo todo com câmeras na mão tentando encontrar algum ângulo que favoreça a foto e disfarce o verdadeiro caos que é estar naquela praia.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Maya Bay às 10h da manhã 😱😱

Eu fiquei muito chateada com tudo que vi por lá. E nem posso dizer que gostei de Maya Bay porque minha experiência não foi boa, aliás desse jeito não tem como ser pra ninguém. Eu não consegui ficar nem uma hora na praia. Dei um mergulho, bati algumas poucas fotos, dei uma volta no interior da ilha pra ver se achava alguma coisa pra salvar mas não vi nada. Reuni a minha turma e decidimos ir embora em busca de um lugar mais sossegado, era o jeito. 

 passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Em algumas fotos dá até pra enganar..

Aí foi que descobrimos o sumiço da bolsa do barqueiro (com o dinheiro que pagamos a ele dentro) pois ele estava que nem um louco procurando e perguntado a todos os outros pilotos de barco se sabiam de algo ou tinham visto alguém pegando. 

Loh Sama Bay

Depois da derrota de Maya Bay, seguimos para a parada seguinte que era Loh Sama Bay. A essa altura o barqueiro misturava seu humor entre a desolação e raiva e não escondia isso de ninguém. O pouco que conseguimos conversar (o tal do inglês que faz uma falta danada) entendemos que ele sabia quem tinha pego a bolsa e estava procurando essa pessoa, por isso ele falava com todos os outros barqueiros que ele encontrava. 

Antes de chegar na praia propriamente dita, paramos nesse ponto para fazer snorkel. Mais um fundo de mar incrível com muita vida marinha.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Super vale o mergulho!

Depois de alguns minutos mergulhando seguimos adiante e chegamos na praia de Loh Samah, que é linda e bem pequena. Mas por incrível que pareça, só tinham dois barcos ancorados e a praia estava super sossegada.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Tão perto do caos e tão tranquila!

Foi engraçado porque o barqueiro só chegou próximo da praia e fez a volta pra ir embora. Ficamos sem entender o porquê de não termos parado nesse lugar tão lindo e tranquilo. Mas começamos a perceber que ele estava mais preocupado com a bolsa dele e meio que ignorando a nossa presença ali. Ele parava o barco onde queria e ficava conversando com os outros pilotos. 

Entendida a malandragem dele, passamos a ficar mais atentos e na próxima parada eu não ia deixar barato.

Phi Leh Lagoon

A parada seguinte foi na incrível lagoa que se forma atrás de Maya Bay, mas acessada somente de barco. A cor da água nesse lugar é surreal de clara. Mas daí você lembra que todo mundo que estava em Maya Bay, também vai pra lá, então espere encontrar a local tão cheio quanto.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Que água é essa? 😱

A vantagem aqui é que como o espaço é maior, os barcos tem um espaço maior também para se espalhar. Então não rola exatamente uma aglomeração de pessoas, só de barcos. 

Daí vem a vantagem de ter alugado o barco privado, porque assim o barco estaciona onde você quiser. E é claro que você vai escolher um lugar vazio pra parar. Não deixe por conta do barqueiro escolher, porque eles por default, preferem parar um do lado do outro e aí você terá que mergulhar com mais várias pessoas ao seu redor (e se forem chineses, eles nadam gritando).

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Amei demais essa piscina!

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Vale mil repetecos!

O meu barqueiro, malandro como ele só, tentou forçar a barra pra parar lá no fundão, no meio de todo mundo porque ele queria falar com o maior número de pessoas possíveis pra encontrar a tal bolsa. Mas como já estava ligada nele, bati pé e falei que queria ficar naquele trecho que eu havia escolhido. Ele não gostou muito não, mas só lamento. 

Viking Cave

Depois de muito mergulhar naquele paraíso, seguimos nosso passeio adiante e chegamos na Viking Cave.

Aqui na verdade a parada é muito rápida, só pra bater fotos mesmo e nem chega a ancorar o barco, já que a entrada na caverna é proibida.

passeio de barco maya bay phi phi tailandia
Viking Cave

No local não tem nada demais, só uma caverna com um monte de estrutura de madeira improvisada. Dizem que ali alguns locais coletam fezes de morcego para vender para o mercado chinês, onde é considerada uma iguaria. Nojeiras à parte, não tem o que ver nem o que fazer na Viking Cave.


Essas são as atrações do passeio por Phi Phi Leh. Por isso disse no início do post que pra quem pretende conhecer apenas essa ilha, pode fazer o passeio de duração de quatro horas. São atrações que podem ser visitadas rapidamente.

Por isso também muitas pessoas optam por fazer o passeio que vai pra Maya Bay e outros pontos turísticos de Phi Phi, como Monkey Beach ou Bamboo Island, por exemplo. Nesse último caso ainda há a vantagem de pagar a taxa de preservação nacional uma única vez, já que o tal ingresso exigido nas duas praias tem validade de um dia. Com isso, você paga a taxa de THB 400 por pessoa uma única vez.

Eu, como havia alugado o barco por seis horas gastei o tempo que sobrou revisitando outras praias que foram as minhas preferidas em Phi Phi: Wah Long Cave e Nui Bay.

Para curtir todas as fotos da minha trip, acompanhe no Instagram em #reviajatailandia

Leia mais sobre a minha viagem para a Tailândia:

- Montando o roteiro de viagem pela Tailândia
- Informações importantes antes de ir para a Tailândia
- Como escolher o melhor voo para a Tailândia
- Como chegar e sair dos aeroportos de Bangkok
- Dicas Gerais de Bangkok
- O que fazer em Bangkok 
- Dicas Gerais de Krabi
- Dicas Gerais de Railay Beach 
- O que fazer em Railay Beach
- Passeio de barco em Krabi: Quatro Ilhas e Hong Island
- Guia de viagem para Koh Phi Phi
- As praias de Phi Phi
- Passeio de barco em Phi Phi
- Dicas Gerais de Ao Nang
 
http://www.booking.com/searchresults.html?city=900040301&aid=1256661&no_rooms=1&group_adults=1

0 comentários:

Postar um comentário