15/06/2017

O que fazer em Railay Beach


O que fazer em Railay Beach
Meu paraíso tailandês

Agora que você já leu todas as dicas para montar seu roteiro para conhecer Railay Beach, esse paraíso na Tailândia, vou te contar em detalhes o que tem pra fazer por lá.

Bem, não será novidade nenhuma se eu te contar que o que tem de melhor pra se fazer por lá é curtir as praias maravilhosas da região. Sejam as praias de Railay mesmo ou ainda embarcando em um passeio pelas ilhas mais próximas.

Para curtir todas as fotos da minha trip, acompanhe no Instagram em #reviajatailandia

Praias

Apesar de ser uma península bem pequena, Railay conta com quatro praias muito bacanas. Cada uma com seu encanto.

Mapa de Railay beach
 Mapa de Railay

Um detalhe muito importante para curtir as praias da Tailândia é a tábua das marés, pois a variação de lá é muito grande. Chega até a ser assustadora (aquele medinho do tsunami ever!). A experiência em cada maré é completamente diferente.

Vamos conhecer?

- Railay East 

É o lado da península onde fica o píer de Railay e por onde chegam os barcos vindos de Krabi. Sua orla é bem extensa e possui vários hotéis, restaurantes e comércio em geral.

O que fazer em Railay Beach
Na maré cheia

O que fazer em Railay Beach
e na maré vazia! 😲

Não é exatamente uma praia, está mais pra um mangue. Não recomendo o banho deste lado pois além desse mangue, há despejo de esgoto (prática comum nas praias tailandesas) e bastante lixo.

O que fazer em Railay Beach
Esse trecho é o mais simpático

É também deste lado que nasce o sol. Pra quem conseguir acordar cedo, super vale a pena dar uma conferida. É certeza de espetáculo e lindas fotos.

O que fazer em Railay Beach
Que venha mais um dia de sol na Tailândia 😍

- Railay West

Essa é a praia onde chegam os barcos que vem de Ao Nang. Na maré cheia é ótima pra banho, já na maré seca, fica muito rasa e a água é bem quente. Meio chato pra mergulhar, mas dá pro gasto.

railay west
Railay West

Exatamente na frente da saída da vila é onde atracam os barcos. O espaço é delimitado por uma boia e é bom evitar tomar banho ali pois os barqueiros são os "donos" do pedaço. O melhor ponto para mergulhar é caminhando um pouco para o lado direito, em um trecho que não possui construções.

railay west
Caminhando um pouco mais pra direita

Já do lado esquerdo da praia, ficam os hotéis pé na areia, com suas piscinas e restaurantes de frente para praia. À noite, com uma iluminação bacana, são ótimas opções para jantar. Além claro de ser o lugar mais fresco da ilha, com aquela brisa do mar irresistível!

É nessa praia também que rola o pôr do sol, que é maravilhoso! Não deixe de ir mesmo que esteja nublado. As cores do céu sempre são um espetáculo.

railay west
Sempre maravilhoso

- Ton Sai

Essa é uma praia praticamente deserta. Tem pouquíssimos hotéis e um deles possui um restaurante bacana de frente pra praia.

ton sai krabi
 Tonsai Beach

O acesso não é dos mais fáceis. Na maré baixa dá pra ir caminhando entre as pedras no final do lado direito de Railay West, mas é preciso ficar muito atento pra maré não subir e você ficar preso. O outro acesso é através de uma trilha pelo alto das montanhas. Dizem que é um pouco puxada, cheia de altos e baixos e leva uns 40 minutos pra ser percorrida. A travessia das pedras é muito mais fácil e leva uns 15 minutinhos!

Uma última opção pra chegar é pegar um barco em Railay West. Não sei exatamente quanto custa, mas deve ser uma merreca, porque é muito pertinho.

Achei a praia legal até, o problema é que como visitei ela quando a maré estava baixa, simplesmente não tinha água pra tomar banho! O fundo é todo de pedras pontiagudas e as poucas pocinhas d'água que se formaram estavam fervendo! Aí depois de uma mini trilha entre as pedras, não ter uma aguinha pra dar um mergulho, foi puxado!

ton sai krabi
  Ton Sai vista do alto

Essa imagem aérea dá a real noção de como são diferentes os fundos das duas praias. Enquanto Raialy West (à direita) é claro pois é fundo de areia, em Tonsai o fundo é cheio de pedras.

- Phra Nang Cave

A praia mais linda de Railay é também uma das mais famosas de toda a Tailândia. E acredite, não é pela beleza natural dela, já te conto..

Pra chegar até a praia é muito fácil. É só seguir pela orla de East Railay até o final. Quando chegar num barzinho, onde os macacos marcam ponto, é só virar a direita e seguir o fluxo.

trilha prha nang beach
Caminho até Phra Nang Cave

Só o caminho pra praia já é o maior barato, cheio de formações rochosas interessantíssimas, que já rendem boas fotos.

Aqui a minha recomendação maior é evitar a praia logo de manhã cedo. Essa é a hora que os passeios vindos de outras localidades lotam a praia. Eu que cheguei na praia cheia de expectativa, quase caí pra trás quando encontrei centenas de chineses histéricos gritando.

phra nang beach crowd
Terror e pânico

O motivo dessa histeria? É o mesmo que disse acima que faz essa praia ser tão famosa na Tailândia: a Phra Nang Cave. Uma caverna onde, acreditam os locais, vivia uma princesa que virou uma deusa ou as duas coisas ao mesmo tempo, não sei...

Sei que ali foi construído um pequeno templo de adoração e pra agradar a tal princesa/deusa, são ofertados além de flores e incensos, milhares de "pirus" (com o perdão da palavra) de todos os tamanhos, cores e formatos! Segundo eles, o tal agrado à princesa/deusa traz fertilidade e prosperidade a seus devotos.

phra nang beach cave
Fartura de piru 😂😂😂

De fato, a tal caverna é mesmo engraçada! Não há como passar por ela desapercebido e nem se pegar rindo das pessoas que posam com o seu piru de preferência. 😂

Depois que a turma dos passeios vai embora, a praia fica bem tranquila, com aquela cara de paraíso tailandês que eu tanto sonhei.

phra nang beach cave
Uma das melhores na minha opinião

Tirando o fato da caverna curiosa, a Phra Nang é disparada a melhor praia de Railay. É ótima pra banho pois o mar, de água verde cristalina, é super calmo e quentinho.

phra nang beach cave
Phra Nang Beach

É extensa, então não fica aquela muvuca concentrada e possui bastante sombra das árvores. Pra completar ainda tem uns barquinhos que vendem todo o tipo de comida, da tailandesa até hambúrgueres. É uma ótima pedida pra passar um dia lagarteando, de bobeira, sem fazer nada!

phra nang beach cave
Peça pelo número!

View Point

O View Point de Railay é sem dúvida um dos lugares mais lindos que estive na Tailândia. Só que pra chegar em alguns paraísos é preciso passar pelo purgatório antes e a subida pro view point é nada mais nada menos que si-nis-tra.

A trilha de subida, que fica no meio do caminho pra Phra Nang Beach, é uma barranqueira inclinada quase a 90°, na qual você sobe escalando entre degraus de pedras, barro e algumas cordas que servem de apoio. Segurança zero.

trail view point railay beach
Acredite, isso é uma trilha

Eu não estava preparada pra subida, na verdade tinha ido pra Phra Nang curtir praia. Mas ao chegar lá e me deparar com os chineses histéricos, dei meia volta na hora. Aí no caminho de volta é que fui reparar na trilha, porque tinham umas pessoas paradas olhando pro alto, provavelmente pensando se subiriam a pirambeira ou não.

Olhamos um pro outro e falamos: vamos? E sem pensar muito lá fomos nós, de chinelo de praia inventar moda de subir a trilha e descobrir um novo lugar. E quer saber? Foi a melhor coisa que fizemos!

view point railay beach
Olha a nossa recompensa!

De cima do View Point dá pra ver Railay do alto, do lado east a west. E a vista é linda demais! Pra ter essa visão, dê preferência pra subir num horário que tenha boa incidência de sol e que a maré esteja alta.

Preciso confessar que chegar lá em cima foi meio perrengue. E olha que eu sou um pouco acostumada com esse tipo de atividade de trilha, subir pedras e tal. Mas preciso alertar que essa trilha não é pra qualquer um. Ela não é longa, leva uns 20 minutos pra ser percorrida. O problema é o início e essa pirambeira que não oferece segurança nenhuma.

Por isso só recomendo a ida a quem tiver preparo físico e real noção do risco que está correndo em se embrenhar numa (não) trilha num lugar remoto como Railay.

Hide Lagoon

Na entrada da trilha do View Point há uma placa indicando também a entrada para a Hide Lagoon. Nas minhas pesquisas de Railay eu até havia lido algo sobre essa tal lagoa, mas confesso que não dei muita bola pois achei que fosse uma pocinha de água sem graça e meio enlameada .

Mas aí eu já estava lá em cima, a praia lá embaixo estava lotada, então resolvi ir lá dar uma conferida na tal lagoa. O caminho até a lagoa é muito mais sinistro que o do view point. É preciso descer uma trilha bem íngreme, escorregadia e há dois lances de escada de bambu que não oferecem nenhuma segurança. É totalmente programa de maluco!

Mas às vezes a gente precisa de uma dose de loucura nessa vida, não é? E foi lá que vivi uma das sensações mais incríveis da minha viagem à Tailândia! Por achar que não encontraria nada demais lá embaixo foi que me surpreendi demais com uma grande lagoa com águas esverdeadas.

hide lagoon railay beach
Hide Lagoon

Na real, acredito que a "lagoa" nada mais é do que a água do mar que passa por uma fenda e fica represada nesse grande buraco, rodeado pelas altas montanhas de Railay. Quando a maré sobe, a lagoa enche e quando desce, ela seca (por isso que em algumas fotos eu vi a poça de lama). Então, pra ter boa experiência e valer a pena o sacrifício da trilha, tem que ficar ligado no horário da maré e se for por volta de 12h, melhor ainda, porque pega a incidência do sol em cima do buraco.

Pra quem saiu do caos da Phra Nang Beach e seus chineses histéricos, encontrar aquele oásis foi muito surreal. Ali eu me senti o Leonardo DiCaprio encontrando "a praia"! 😜 Além disso não havia ninguém lá, também pudera, com aquela trilha assustadora.. 😂 Fiquei ali, curtindo aquela lagoa enorme, na maior paz. O silêncio era cortado só pelo som dos pássaros. Experiência única!

Depois de fazer a trilha de volta subindo as escadas do terror, chegando ao topo e descendo a trilha sinistra do view point, entendi que o melhor mesmo é que o acesso continue precário desse jeito. Só assim esse lugar vai continuar tão bem preservado.

Outras atividades em Railay

Pra quem não quiser ficar só lagarteando nas lindas praias de Railay, pode também optar por algumas atividades físicas que a vila oferece.

SUP

Há uma empresa que aluga pranchas de SUP. São todas infláveis e da marca Isle, que eu adoro! A lojinha fica no centrinho da vila e durante o dia as pranchas ficam na praia, em Railay West.

Eles alugam individualmente e também organizam tours com pequenos grupos. Tem um tour no fim de tarde, que sai pra ver o pôr do sol e tem outro que sai à noite, em pranchas adaptadas com luzes de led. Esse deve ser um barato, pena que não fui!

sunset sup railay beach
Sunset SUP em Railay

Vou ficar devendo os valores do aluguel.. Lembrei mil vezes de ir lá perguntar, mas no final percebi que esqueci todas as mil vezes! 😂

- Escalada

Railay é um destino mundialmente conhecido pelos praticantes de escalada. É que a formação das montanhas da região é um playground perfeito para a prática desse esporte.

escalada railay beach
Pessoal subindo a montanha

Na vila há várias escolas de escalada que oferecem aulas para iniciantes e também alugam os equipamentos para quem já tem prática. Pra quem curte, é um prato cheio!

- Caiaque

Outra atividade muito bacana em Railay é o aluguel de caiaque. As águas calmas da região fazem um convite quase irrecusável de remar por esse mar lindão!

O aluguel pode ser contratado em Railay West e de lá seguir remando pra Phra Nang Beach. Dá uns 15 minutos de remada tranquila. Só fica um pouco chato quando bate o vento contra, mas com calma sempre se chega lá.

Dá pra alugar também já em Phra Nang Beach e com isso "economizar" na remada. As duas opções são bacanas e super valem a pena.

kayak railay beach
Dá pra passar entre aquelas pedras!

Eu aluguei em Railay West um caiaque pra duas pessoas por duas horas por THB 300. O passeio foi ótimo, curti um outro visual de Phra Nang Beach, remei até atrás da caverna e ainda peguei umas mini praias que se formam entre West e Phra Nang. Super valeu a pena!

kayak railay beach
Chegando em Phra Nang Cave

Não pode ficar de fora dessa lista, é claro, os passeios de barco pela região! Pra saber tudo sobre eles leia - Passeios de barco em Krabi.

E aí, será que você encontrou motivos pra visitar Railay? Tenho certeza que sim!

Para curtir todas as fotos da minha trip, acompanhe no Instagram em #reviajatailandia

*Data da viagem: abril/2017

Leia mais sobre a minha viagem para a Tailândia:

- Montando o roteiro de viagem pela Tailândia
- Informações importantes antes de ir para a Tailândia
- Como escolher o melhor voo para a Tailândia
- Como chegar ou sair dos aeroportos de Bangkok
- Dicas Gerais de Bangkok
- O que fazer em Bangkok
- Dicas Gerais de Krabi
- Dicas Gerais de Railay Beach
- Passeio de barco em Krabi: Quatro Ilhas e Hong Island
- Guia de viagem para Koh Phi Phi
- Onde se hospedar em Koh Phi Phi 
- As praias de Phi Phi
- Passeio de barco em Phi Phi Don
- Dicas Gerais de Ao Nang (em breve)


0 comentários:

Postar um comentário