27/05/2017

Como sair ou chegar dos aeroportos de Bangkok

Nenhum comentário     
categories: ,

aeroporto tailandia
O agente de aeroporto tailandês

Bangkok, é um dos principais hubs asiáticos e possui dois grandes aeroportos. Em sua viagem pela Tailândia certamente você passará por um deles.

Os aeroportos de Bangkok ficam afastados da parte central da cidade e chegar ou sair deles, devido ao trânsito caótico da cidade, costuma ser problemático. Por isso é muito importante se programar para esta missão com antecedência, principalmente quando se está indo para um dos aeroportos. Perder um voo na viagem dos seus sonhos não é legal, vai por mim!

Suvarnabhumi 

O Suvarnabhumi ou BKK, é considerado o aeroporto internacional da cidade e recebe voos das principais companhias mundiais. Se você vem direto do Brasil, é bem provável que sua chegada seja por ele.

 BKK

As opções pra chegar ou sair do BKK são:

- Ônibus

Dentro do próprio aeroporto existe um terminal de ônibus onde é possível encontrar várias linhas que fazem o trajeto entre o BKK e algumas regiões da cidade e até para outras províncias.

A lista detalhada das linhas, valor e como acessar o terminal de ônibus a partir do aeroporto, eu encontrei nesse link aqui.

Essa é uma boa opção pra quem dispõe de tempo, está com o orçamento curto e é guerreiro. Depois de viajar horas, encarar um busão na Tailândia é só para os fortes!

- Airport Rail Link

O BKK também dispõe de um terminal de trens de alta velocidade, que é o Airport Rail Link. O sistema conta com três linhas: a azul, amarela e vermelha.

Linhas de trem do BKK

E antes que a ideia de pegar um trem na Tailândia te assuste, fique tranquilo. Os trens desse sistema são bem arrumadinhos e alguns possuem até ar-condicionado e banheiro. 

A linha azul é chamada de City Line e liga o aeroporto até a estação de Phaya Thai (que tem conexão com o metrô) com parada em oito estações. A viagem leva cerca de 45 minutos e é a linha utilizada pelos moradores locais no seu dia-a-dia. Portanto, se você carrega muitas malas, não é muito recomendado. Custa THB 45.

A linha vermelha, é a Makkasan Express, que liga o aeroporto ao Bangkok City Air Terminal, que fica próximo da estação de metrô Petchaburri. A viagem, que não possui paradas, leva 15 minutos do aeroporto até o ponto final. Custa THB 90.

A linha amarela, também conhecida como Phaya Thai Express faz o mesmo percurso da City Line com a vantagem de não ter nenhuma parada. Faz o mesmo percurso em cerca de 20 minutos e é uma boa opção pra quem está com malas grandes. Custa THB 90.

Os tickets podem ser comprados, ali mesmo na estação do aeroporto em máquinas moderninhas que aceitam cartão e falam inglês. 😆

A opção do trem é boa pra quem vai se hospedar perto do metrô ou ainda não quer correr o risco de ficar preso no trânsito da cidade com horário apertado pra pegar o voo.

- Táxi

Depois de horas de voo desde o Brasil e ainda por cima carregando malas é mais provável que você dispense toda a facilidade do trem e se dê ao luxo de pegar um táxi. Se o seu orçamento permite, faça-o, você não vai se arrepender!

Até a região central da cidade, o valor médio de uma corrida costuma sair por THB 600/700 mais uma taxa adicional de THB 50. O problema é que dificilmente você vai conseguir encontrar um taxista que tope ligar o taxímetro. Por isso, negocie e deixe bem claro o valor com ele antes de sair com o carro. Procure o ponto oficial dos táxis através das placas de sinalização do aeroporto.

Outro detalhe importante, levar o nome e endereço do hotel em tailandês pode salvar sua vida! Os caras, muitas vezes, não entendem nada de inglês e tampouco sabem ler o nosso alfabeto. E pra não ficar naquela conversa de doido, onde ninguém entende nada, mostre o papel pra ele e tudo se resolve!

O tempo da viagem sem trânsito costuma ser de uns 40 minutos. Atenção especial com o retorno ao aeroporto, já que o trânsito pesado pode atrasar esse deslocamento e fazer com que você perca seu voo. Sair com o máximo de antecedência é o melhor. Combinar táxi e trem também pode ser uma boa pedida.

Um outro probleminha de usar táxi é que os taxistas não gostam de usar as vias expressas da cidade pra não pagar o pedágio. Então se você estiver com pressa ou com horário e o trânsito estiver pesado, sinalize para ele que você vai pagar pelo pedágio (isso se rolar alguma comunicação né?!).

- Uber 

O Uber funciona na Tailândia sob as mesmas polêmicas que conhecemos aqui. Às vezes tá tranquilo, às vezes o governo tenta repreender. Mas, enquanto estiver liberado, funciona muito bem.

O esquema é o mesmo que a gente conhece aqui. Basta solicitar pelo aplicativo, inserir o endereço do seu hotel e indicar em qual portão de desembarque você se encontra. No Uber, a tarifa já contempla o pedágio da via expressa.

Outro aplicativo nesse mesmo estilo, muito popular por lá é o Grab Taxi.

Informações mais detalhadas sobre o Suvarnabhumi podem ser consultadas aqui.

Don Mueang

O outro aeroporto de Bangkok, o Don Mueang (DMK) é o mais velhinho mas não menos importante. Apesar de ser considerado um aeroporto doméstico, ele também opera voos internacionais para países próximos como Malásia, Indonésia etc.

 DMK

Ele não possui as facilidades de transporte que Suvarnabhumi possui. Por isso, o táxi e o Uber continuam sendo a melhor opção para chegar ou sair dele. Lembrando sempre da questão do trânsito - sair com antecedência.

O preço da corrida costuma ser bem próximo do outro aeroporto: THB 500/600.

Pra quem é guerreirão e quer economizar na ida/volta do DMK, ou ainda precisa fugir do trânsito, tem também a opção de fazer parte do trajeto de trem e parte de táxi. Basta pegar o BTS na linha do Sukhumvit e descer na última estação, a Mo Chit. Lá ficam vários taxistas à espera.

Informações mais detalhadas sobre o Don Mueang podem ser consultadas aqui.

Entre os dois aeroportos

Se você precisa se deslocar entre os dois aeroportos, saiba que eles ficam em direções completamente opostas. Mas a boa notícia é que há uma linha de ônibus especial que faz esse trajeto entre 5 da manhã e meia-noite.

O ônibus é gratuito e bacaninha. Mas como toda opção de transporte que utilize as ruas da cidade, fique esperto com o trânsito.

Abaixo a tabela de horários:


O que eu fiz

Eu usei Uber pra sair do aeroporto BKK e deu super certo. Não precisei explicar nada pra motorista, que apesar de simpática, não falava uma palavra de inglês. A corrida saiu pela metade do preço do táxi, THB 325.

Cheguei em Bangkok numa manhã de segunda-feira e o trânsito estava bem pesado. Até a Khaosan Road, região onde me hospedaria, levei 1:30h mesmo a motorista utilizando as vias expressas.

Já pra ir ao DMK, numa manhã de sábado, talvez não tivesse muitos carros do Uber disponíveis e a ao solicitar a corrida pelo aplicativo, o valor estava bem alto. Daí resolvi pegar um táxi na porta do hotel que combinou a corrida por THB 450.

Depois de negociado com o motorista, fui buscar as malas e quando voltei o tal motorista me empurrou pra um outro carro, que não era um táxi e sim um carro particular. Fiquei meio cismada (carioca sabe como é) mas acabei indo. Lembro de ter repetido o destino e o valor umas 10 vezes pro motorista, pra não ter erro (rs).

Até que o motorista era gente boa. Falava pra caramba e até desenrolava bem o inglês, coisa rara! Sem trânsito, desde a Khaosan, levei 35 minutos no percurso.


*Data da viagem: abril/2017

Leia mais sobre a minha viagem para a Tailândia:

- Montando o roteiro de viagem pela Tailândia
- Informações importantes antes de ir para a Tailândia
- Como escolher o melhor voo para a Tailândia
- Dicas Gerais de Bangkok
- O que fazer em Bangkok
- Dicas Gerais de Krabi
- Dicas Gerais de Railay Beach
- O que fazer em Railay Beach 
- Passeio de barco em Krabi: Quatro Ilhas e Hong Island
- Guia de viagem para Koh Phi Phi
- Onde se hospedar em Koh Phi Phi 
- As praias de Phi Phi
- Passeio de barco em Phi Phi Don
- Passeio de barco em Maya Bay
- Dicas Gerais de Ao Nang

0 comentários:

Postar um comentário